F.B Mondial Piega 125 – Regresso ao futuro

Acostumados a encontrar modelos de estilo “vintage”, associados à sua dilatada história de sucessos que remonta a 1948, a F.B Mondial rompe com esta tendência e apresenta como novidade uma naked desportiva de estética futurista, cujos traços são assinados pelo designer Rodolfo Frascoli, e que, pelas prestações desenvolvidas pelo motor Piaggio 4V de refrigeração líquida, promete estar na ‘pole position’ da categoria que permite a condução de motos de 125 cc com carta de automóvel, a partir de finais de setembro e com um preço de lançamento de 4.649 €.

A F.B Mondial habituou-nos a motos de estilo “neo-retro”, evocando as protagonistas dos 10 Campeonatos Mundiais de Velocidade conquistados desde a fundação da marca pelo Conde Giuseppe Boselli em 1948, mas agora surpreende-nos com esta Piega 125, que muda radicalmente de estilo para nos mostrar uma naked desportiva, de recorte até mesmo futurista.

Por detrás desse desenho original, acertado e ousado, está o italiano Rodolfo Frascoli formado no estúdio Marabese Design, que se converteu num prolífico designer independente, responsável por dar forma aos modelos da Triumph e que se deu a conhecer a nível mundial com o restyling da Suzuki Katana de 2019, cujas linhas têm algumas similaridades com a cúpula desta Piega.

Mas, apesar do seu aspeto futurista, a Piega 125 também presta homenagem à história da marca, concretamente ao modelo Mondial Piega 1000, surgido em 2003 numa primeira tentativa de fazer a marca voltar à vida, antes do regresso definitivo em 2015 para a etapa atual. A Piega 1000 era uma moto muito exclusiva, que empregava componentes feitos em fibra de carbono, titânio e alumínio maquinado, acompanhados por elementos assinados por especialistas como a Brembo, Paioli, Öhlins e Arrow, e recorrendo ao propulsor bicilíndrico em V da Honda VTR 1000 RC51 SP2. Deste modelo, pintado nas cores branco e azul, apenas se produziram pouco menos de 150 unidades.

De certo modo, a Piega 1000 serviu de inspiração a Frascoli para a criação desta naked desportiva, mas ninguém lhe pode negar uma forte personalidade, cujo traço mais característico é a afilada cúpula que envolve a ótica com dois LED sobrepostos, e é quase abraçada pelos prolongamentos dianteiros do depósito (de 9,5 litros de capacidade), com três fendas branquiais de cada lado, simulando na sua vista lateral uma carenagem desportiva.

A traseira é puro minimalismo, dando uma nítida sensação de leveza ao terminar no extremo posterior do assento do passageiro e prescindindo de guarda-lamas que o continue.

Para efeitos legais e para dar suporte à matrícula e aos piscas traseiros (de funcionamento sequencial, como os dianteiros), dispôs-se uma estrutura fixa somente ao extremo direito do braço oscilante, que situa este elementos a maior altura que o habitual e em posição quase vertical. Por seu lado, o farolim traseiro em LED dissimula-se mesmo por baixo do assento do passageiro.

Nesta interminável lista de elementos que chamam a atenção encontra-se o braço oscilante assimétrico: do lado esquerdo mostra um reforço que serve também de apoio à cobertura da corrente e guarda-lamas traseiro junto à roda, enquanto o lado direito adota uma curvatura tipo “banana” para dar espaço à saída de escape.

Para o propulsor, como é habitual na gama 125 cc da F.B Mondial, recorre-se a um potente motor Piaggio de refrigeração líquida com cabeça de dupla árvore de cames (DOHC) e quatro válvulas, com caixa de seis velocidades, que declara como valores máximos sob a homologação Euro 5 de 14,28 CV de potência e 11,0 Nm de binário.

A nível de suspensões, a Piega 125 volta a estar muito bem doitada, dispondo no trem dianteiro de uma forquilha invertida com bainhas anodizadas em dourado, que oferecem um curso de 114 mm, enquanto no trem posterior se recorre a um monoamortecedor hidráulico, que proporciona 43 mm de curso.

As jantes de liga leve de 17 polegadas calçam largos pneu de 110/70 à frente e 140/70 atrás, equipando, respetivamente, discos de 300 mm e 218 mm, com as suas correspondentes pinças de quatro pistões opostos com fixação radial e pistão simples na roda traseira. O funcionamento dos travões conta de série com sistema de anti bloqueio ABS com modulador de dois canais independentes.

A instrumentação reúne toda a informação num ecrã TFT a cores de grande tamanho, com duas visualizações diferentes: clássica, com conta-rotações e níveis de gasolina e temperatura concêntricos com o número do velocímetro, e desportiva, dando mais importância ao conta-rotações, com a zona útil de rotações (a partir das 5.500 rotações) na horizontal.

A partir de agora, a nova F.B Mondial Piega 125 será uma opção muito competitiva para ter em conta na tecnológica categoria das naked desportivas, tanto pelo seu rendimento e comportamento como pelo seu design. Este modelo estará disponível a partir de finais de setembro, ao preço de lançamento de 4.649 € (IVA incluído). A Piega é disponibilizada em duas cores: Factory (prata/jantes azuis) e Magnesium (negro/jantes magnésio).

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS PIEGA 125 ABS:

Motor
Cilindrada (cm3) 124 cc
Diâmetro x curso (mm) 58 x 47 mm
Sistema de alimentação de combustível Sistema Dell’Orto Euro 5 EFI
Taxa de compressão 12:1
Tipo de motor Monocilíndrico quatro tempos, refrigeração líquida, DOHC, 4 válvulas
Potência máxima 14,28 CV @ 9500 rpm
Binário máximo 11,0 Nm @ 9500 rpm
Arranque Elétrico
Ciclística
Sistema de travagem dianteiro ABS Pinça radial de 4 pistões, um disco de 300 mm, ABS
Sistema de travagem traseiro ABS Pinça flutuante de 1 pistão, disco de 218 mm, ABS
Suspensão dianteira Forquilha invertida de 40.9 mm com 114mm de curso
Suspensão traseira Monoamortecedor hidráulico com 43 mm de curso
Pneu dianteiro 110/70- R17
Pneu traseiro 140/70- R17
 

Dimensões e pesos

Dimensões (CxLxA) (mm) 1958 x 833 x 1110
Tipo de quadro Duplo berço em tubo de aço
Capacidade de combustível 9,5 L
Distância livre ao solo (mm) 198
Peso a seco (kg) 123,5
Altura do assento (mm) 820
Distância entre eixos (mm) 1338
Transmissão
Embraiagem Multidisco em banho de óleo
Transmissão final Corrente selada
Caixa de velocidades 6 velocidades
Instrumentos e Equipamento
Farol dianteiro LED
Piscas LED
Farolim traseiro LED
Painel de instrumentos TFT
Indicador de mudança Sim
Bateria de gel Sim
PIEGA 125
IMOLA 125
HPS 125 CBS
HPS 125 ABS
HPS 300
PAGANI 125
FLAT TRACK 125
SMX MOTARD 125
SMX ENDURO 125
PIEGA 125
IMOLA 125
HPS 125 CBS
HPS 125 ABS
HPS 300
PAGANI 125
FLAT TRACK 125
SMX MOTARD 125
SMX ENDURO 125